13 Remédios Anti-Inflamatórios Naturais

By Camila Oliveira - 11.11.17

Resultado de imagem para alimentos saudaveis

A maioria das inflamações é causada principalmente pelos alimentos que ingerimos. Os alimentos industrializados, enlatados e os congelados tem maior chance de causar a inflamação.

A inflamação apresenta patógenos como as bactérias que podem invadir nosso corpo e nos deixar menos saudáveis.

No entanto, quando estas inflamações duram mais do que deveriam, podem se tornar um problema sério e causar uma doença grave.

Como, por exemplo, a obesidade muito comum nos dias de hoje, as pessoas não tem cuidado com sua alimentação e posteriormente só retornarão ao seu peso e saúde com dietas detox, a dieta dukan entre outras.

Saiba como você pode diminuir a inflamação com os 13 alimentos anti-inflamatórios que são indicados pela ciência.

1. Cúrcuma
Resultado de imagem para cúrcumaEla vem da índia, e é um tempero reconhecido pela sua cor amarela.

No entanto, nos últimos anos, essa espécie ganhou popularidade por suas propriedades anti-inflamatórias, propriedades que foram estudadas em múltiplas ocasiões.

A cúrcuma possui um composto ativo, conhecido como curcumina, que consegue diminuir a inflamação no nível molecular.


2. Azeite extra virgem
Resultado de imagem para azeite extra virgemUm dos óleos mais saudáveis que existem é o azeite extra virgem, assim como o óleo de coco.

Destacada pelo seu alto teor de vitamina E, e vitamina K, bem como gorduras monoinsaturadas saudáveis, sendo o mais abundante em ácido oleico.


3. Peixes ricos em ômega-3
Resultado de imagem para peixe frescoExiste uma variedade de peixes que são muito ricos em ácidos ômega-3, gordura saudável e essencial que não pode ser sintetizada pelo corpo humano.

Os ácidos ômegas-3 tem sido objeto de extensa pesquisa por causa de suas múltiplas propriedades terapêuticas e demonstrou que seu consumo em suplementos ou dieta diminui significativamente a inflamação.


4. Cacau (chocolate preto)
Os efeitos anti-inflamatórios do cacau são mais do que comprovados.

Resultado de imagem para cacauNo que se referem às doenças cardiovasculares, os poli fenóis encontrados no cacau demonstraram melhorar os marcadores de inflamação em pacientes com alto risco de doença cardíaca, diminuindo assim a probabilidade de aterosclerose.

Os flavonoides de chocolate, uma variação de poli fenol, tem a capacidade de aumentar a biodisponibilidade do óxido nítrico, conhecido por manter o endotélio saudável com vários mecanismos, sendo um deles uma diminuição dos fatores inflamatórios.


5. Abacates
Os abacates são um fruto de uma combinação única de dioses.
Resultado de imagem para abacateTem gorduras saudáveis, entre os quais é realçado o ácido oleico o que foi mostrado que colabora na redução dos níveis de marcador inflamatório C - proteína reativa.

O consumo de abacate proporcionará quantidades significativas de vitamina K, fibra, ácido fólico, vitamina C, potássio, certas quantidades de vitamina B e minerais.


6. Gengibre
Resultado de imagem para gengibreO gengibre tem sido usado como um remédio natural contra muitas doenças ao longo dos anos.

Seu uso tem uma longa história e uma das propriedades mais conhecidas é a capacidade de servir como agente anti-inflamatório, pois possui um composto bioativo chamado gingerol, responsável por efeitos positivos na inflamação.


7. Frutas vermelhas
Resultado de imagem para frutas vermelhasAs frutas vermelhas são um grupo de frutas que tradicionalmente crescem no combate da inflamação, entre elas podem ser encontradas as amoras, framboesas, mirtilos e morangos.

Este tipo de fruta se destaca pelo alto teor de vitamina C, fibra e água, além de outros compostos vegetais.

As frutas vermelhas têm antioxidantes da família antocianinas, um pigmento natural que lhes dá a cor vermelha, mas também possui efeitos anti-inflamatórios.


8. Cogumelos
Os cogumelos comestíveis são muito apreciados na gastronomia.
Existem variedades deles, mas tenha cuidado porque alguns podem ser venenosos.

Resultado de imagem para cogumelosEste grupo de alimentos caracterizou-se pelo baixo teor calórico e também por um grande número de substâncias que combatem a inflamação.

Aparentemente, eles podem ser eficazes na prevenção e melhora das doenças intestinais e inflamatórias, como a síndrome do intestino irritável.

No entanto, demonstrou-se que os efeitos anti-inflamatórios dos cogumelos são reduzidos consideravelmente após cozinhados.


9. Tomates
Resultado de imagem para tomatesOs tomates são vegetais muito comuns em vitamina A, vitamina C, vitamina K e vários tipos de minerais como o potássio ou o magnésio. No entanto, outros compostos de tomate são a causa de suas propriedades anti-inflamatórias.

O licopeno é um pigmento natural, um antioxidante apontado pela sua capacidade de diminuir as respostas inflamatórias ligadas ao câncer.


10. Uvas
Como frutas vermelhas, as uvas possuem antocianinas, que já explicamos ser um composto antioxidante capaz de reduzir a inflamação.

Resultado de imagem para uvasDe acordo com vários estudos, a melhora nos marcadores de inflamação produzidos pelo consumo regular de uvas pode reduzir o risco de diferentes tipos de doenças.

  • Doenças relacionadas à idade.
  • Doenças dos olhos.
  • Doenças cardiovasculares.

Da mesma forma, uma substância encontrada no resveratrol de uvas, tem muitos benefícios saudáveis, todos eles melhorando os níveis de inflamação.


11. Cerejas
Resultado de imagem para cerejasOs antioxidantes encontrados nas cerejas, como catequinas e antocianinas, possuem importantes propriedades anti-inflamatórias.

Em vários estudos científicos, provou-se que o consumo regular de cerejas, acalma dores e reduz a inflamação indicada pelos exercícios físicos.


12. Pimentas / pimentões
As pimentas têm um grande número de substâncias com potentes efeitos anti-inflamatórios, por exemplo, capsaicina.


Resultado de imagem para pimentas pimentões
A quercetina, flavonoide antioxidante encontrada em pimentas tem sido associada à prevenção de inflamações e infecções, bem como à redução do estresse oxidativo e inflamação em pacientes com sarcoidose.

Outro tipo de antioxidantes, como o ácido sinapínico ou ferúlico obtido em algumas variedades de pimentas, também mostrou ter propriedades anti-inflamatórias.


13. Brócolis
Resultado de imagem para brócolisOs brócolis são um vegetal cruciferante rico em vitamina K e vitamina C.

Devido ao seu teor de isotiocianato, principalmente sulforafano, o consumo de brócolis pode reduzir significativamente a inflamação e prevenir doenças como o câncer.


Para conseguir o cardápio grátis e os detalhes passo a passo da nutricionista, entre no seu navegador e digite dieta.blog.br.

Bônus - Crítica Tempestade: Planeta em Fúria

Imagem relacionadaJá que estamos falando de alimentação, saúde e vida, aproveito para indicar o filme Tempestade: Planeta em Fúria com um elenco estelar, que não merece estar nesse filme tão remetente, mais do que deveria aos anos 90, nos áureos tempos de Armagedon e Impacto Profundo.

Nele, além da obsoleta tecnologia, os pontos negativos estão numa divulgação fraca e errônea de um filme cheio de catástrofes clichês, que vez ou outra acontecem mesmo e não há como não igualar a dezenas de outras histórias do gênero, além da inegável presença salvadora americana enquanto o resto do mundo é destruído e fica impotente de decisões.

Porém, merecem destaque o enredo, por apresentar uma trama maior do que a destruição mundial, onde o planeta já foi salvo do clima descontrolado, mas não da ambição humana e o fato de apesar de ser uma produção americana, apresentar críticas em relação a essa eterna tentativa de dominação com vilões domésticos do próprio governo e discussões sobre o projeto, que envolve mais 14 países, mas a América quer somente para si. 

No fim, fica a lição de que o planeta é de todos e não importa quem tente dominar, não há divisas quando se trata da destruição global. Apesar de tudo vale uma horinha do seu tempo, quando estiver de bobeira e esse título surgir ocasionalmente no streaming. 

  • Share:

0 comentários