segunda-feira, 9 de dezembro de 2019


Todos podemos concordar que o mundo muda muito de uma década para outra. Se tratando de cultura então, a reinvenção é constante, de modo que faz parecer o ano anterior quase imperceptível em relação ao próximo. Assim, colocando em gráficos diversos fatos da cultura pop, como cantores, álbuns e séries, temos uma surpreendente e real imagem da transformação obtida durante os anos e décadas de maior atuação


Dessa forma, citando os cantores, podemos compreender que no final dos anos 60 o quadro de sucessos era marcado apenas por grandes nomes que jamais serão esquecidos no cenário musical como Beatles, Elvis Presley, Bob Dylan e que as únicas mulheres presentes nesse período foram Cher e Barbra Streisand. Isso se manteve até a segunda metade dos anos 80, quando Madonna chegou para reinar no topo como rainha absoluta, sem sair do ranking por 20 anos, competindo com astros como Michael Jackson e Queen. 

Quanto ao cenário black, Whitney Houston foi a grande primeira dama a disputar com Michael e Madonna, donos absolutos do topo nos anos 80 e 90. Isso só foi quebrado pela diversidade de artistas e o avanço da tecnologia que livrou os interpretes e bandas da ditadura das gravadoras e disponibilizou inúmeras formas de distribuir música. 

O evento também afetou a rapidez com que artistas sobem e descem no ranking, sendo quase impossível permanecer por muito tempo no topo, como conseguiram o Queen, Elton John e vários anteriores. Atualmente, os únicos capazes de feitos como esse são o entojado Drake, Eminem, Rihanna, Beyonce, e a lista não vai muito além. 



Séries

Já em relação as séries, o quadro é mais simples. Pois desde 1986, quando começou a contagem, apenas 3 emissoras americanas produziam esse tipo de show. Geralmente, engessadas no mesmo conceito familiar e de estúdio. Isso perpetuou por vários anos seguintes até a HBO reinventar a roda com The Sopranos, um seriado dramático, cheio de externas e de extensão jamais vista antes na TV. 


A partir disso, outros canais entraram na corrida, dissipando a TV fechada e criando série maniacos por todo o mundo. No entanto, a grande revolução das séries aconteceu apenas recentemente em 2013 com House of Cards e um desconhecido streaming chamado Netflix. Depois disso, a mobilidade e acessibilidade às séries deu um boom no quesito e atualmente, seriados são a nova moda do espectador. 

Bônus 

O bônus fica por conta dos super heróis e sua ascensão desde 1987, quando se tornaram mais populares mundialmente até os dias de hoje. Contudo, existem muitos outros gráficos como este de cultura pop, revelando de maneira dinâmica em minutos coisas que você não faz ideia. 

Advertise with Anonymous Ads

Ela Veste Preto... . 2017 Copyright. All rights reserved. Designed by Blogger Template | Free Blogger Templates